O Conselho de Segurança das Nações Unidas Poderá Reduzir a Presença das suas Missões na Guiné-Bissau

ESPAÇO PUBLICITÁRIO 1

O Conselho de Segurança das Nações Unidas Unidas Reduzir a Presença das Missões na Guiné-Bissau

O Coordenador Residente do Sistema das Nações Unidas na Guiné-Bissau e também o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), David Mclachlan Karr, disse esta segunda-feira, 07 de janeiro de 2019, que não tem futuro próximo do Conselho de Segurança As Nações Unidas podem fazer a sua presença na Guiné-Bissau. Assegurou que, uma revelação não se esclareceu no próximo mês durante uma reunião do Conselho de Segurança.

David Mclachlan Karr falava aos jornalistas após uma entrega das suas credenciais ao Chefe de Estado, José Mário Vaz, no palácio da República, na qualidade de Coordenador Residente do Sistema das Nações Unidas.

O que significa uma semana de discussões com o Chefe de Estado do país e as Nações Unidas, como as nações Unidas e as entidades de cooperação para dar maior resposta às necessidades. nacionais de desenvolvimento. Informou que a época conversou com José Vaz sobre os desafios do desenvolvimento do país e como os sistemas das Nações Unidas foram respondidas como necessidades do país em relação ao progresso.

David Mclachlan- Karr falou também do projeto “Mom na Lama” e contou que as Nações Unidas podem contribuir para aumentar a produção agrícola no país.

Salientou, ficou satisfied com instructions or guidance do Presidente sobre como as Nações Unidas podem trabalhar para o bem do país.

 

Rádio Nossa, 08.01.19

Noémia Gomes da Silva

ESPAÇO PUBLICITÁRIO 2